Economia

Plano não é adequado às empresas (vídeo)

O presidente da ACIF considera que o Plano de Recuperação e Resiliência não responde às necessidades do tecido empresarial madeirense. Jorge Veiga França usa os Açores como um bom exemplo

A ACIF queixa-se que as empresas da Madeira não estão a ser devidamente apoiadas No Plano de Recuperação e resiliência

Jorge Veiga França deixa críticas ao executivo madeirense e dá o exemplo dos Açores

São necessários mais apoios...para garantir a vitalidade da economia regional

O REACT destinado às empresas madeirenses é no valor de 32 milhões de euros. dos quais 22 milhões são canalizados para um apoio direto que permite uma ajuda à tesouraria das empresas.