Economia

Sete aviões já divergiram do aeroporto da Madeira

O vento está a condicionar o movimento no aeroporto da Madeira, tendo obrigado sete aviões a divergir e ao cancelamento de um voo, refere uma informação na página da infraestrutura aeroportuária.

Sete aviões já divergiram do aeroporto da Madeira
De acordo com os dados disponibilizados pelo site da Ana Aeroportos, desde a uma da tarde que apenas um EasyJet de Lisboa conseguiu aterrar no Aeroporto Internacional da Madeira - Cristiano Ronaldo.

Divergiram para vários aeroportos alternativos ou regressaram à origem dois voos da British Airways (Londres), dois da easyJet que saíram do Porto, um da Jet2.com de Glasgow, um da Smartwings de Praga e um Transavia de Paris.

Neste momento, há dois voos da TUI em espera, nas proximidades do aeroporto, um proveniente de Bruxelas e outro de Manchester.

Uma ligação da easyJet de Lisboa está dada como cancelada.

Esta situação também afeta as correspondentes partidas, tendo o último avião levantado voo da Madeira às 13:17.

Recordo que as previsões do Instituto Português do Mar e da Atmosfera, apontavam hoje para céu pouco nublado na costa sul da ilha, e vento por vezes forte nas terras altas e nos extremos da ilha da Madeira, com rajadas até 65 quilómetros.