Economia

Vinho Madeira caiu 22% (vídeo)

O Instituto do Vinho registou no ano passado quebras globais na ordem dos 22% na venda de Vinho Madeira. Menos vendas que representam perdas na ordem dos 3 milhões e meio de euros em relação ao ano anterior.

O ano de 2020 não foi um ano tão mau para o setor vitivinícola como era expectável.

Os mercados regional e nacional registaram quebras acentuadas na ordem dos 54% , mas os internacionais mantiveram a comercialização em alta e nalguns casos até houve crescimento.

Ao todo em 2020 foram comercializados 2,4 milhões de litros de Vinho Madeira, com uma faturação na ordem dos 14, 6 milhões de euros, menos 3, 4 milhões do que em relação a 2019.

Com esperança na vacinação em massa, o Instituto do Vinho espera em 2021 recuperar as perdas do ano passado e crescer sobretudo no mercado internacional.

Comercialização do Vinho Madeira que fecha 2020 com perdas globais na ordem dos 22 % e a nível europeu de 2%, números considerados satisfatórios face a situação pandémica.