Parlamento

PS/Madeira requer comissão de inquérito às relações entre executivo e construtora

O grupo parlamentar do PS/Madeira entregou hoje na Assembleia Legislativa um requerimento para a constituição de uma comissão parlamentar de inquérito às relações financeiras entre o Governo Regional e a empresa Afavias.

PS/Madeira requer comissão de inquérito às relações entre executivo e construtora

© DR

Os socialistas pretendem um esclarecimento relativo "ao pagamento, por parte do executivo madeirense, de indemnizações à empresa de construção Afavias que ascendem a dezenas de milhões de euros".

Segundo o líder parlamentar do PS/Madeira, Victor Freitas, o atual vice-presidente do Governo Regional, Pedro Calado, exerceu funções de administrador no grupo AFA (detentor da empresa de engenharia e construções) e transitou deste para a Vice-Presidência do Governo, com a pasta das Finanças, "sendo responsável pelas relações financeiras e indemnizações à empresa de construção Afavias”.

Victor Freitas realça, no requerimento, que o vice-presidente "esteve, como administrador do grupo privado, a negociar com o Governo Regional da Madeira e, depois, já como membro do executivo, alegadamente antecipou pagamentos ao grupo privado, contrariando o estabelecido em resoluções do Governo Regional da Madeira".

Segundo o seu 'site', o grupo AFA foi fundado em 1980 na região, tendo como "principal atividade a construção civil e as obras públicas".

Na Madeira, "é líder de mercado no setor da construção civil e obras públicas", estando também presente no continente e nos Açores".

C/ LUSA