Política

Câmara do Funchal assegura que água das praias é monitorizada com regularidade

A água das praias e complexos balneares sob a tutela da Câmara Municipal do Funchal é monitorizada regularmente, assegurou hoje o presidente da autarquia, durante uma visita à Barreirinha, onde foram executadas obras no valor de 165 mil euros (Vídeo)

"A qualidade das águas é sempre monitorizada, até porque temos praias com Bandeira Azul, e isto é uma responsabilidade não só da Câmara, mas também da Capitania e do Governo Regional", disse Paulo Cafôfo.

As zonas balneares com Bandeira Azul no concelho do Funchal são o Lido, a Ponta Gorda e a praia Formosa.

O autarca salientou, por outro lado, que após as obras efetuadas no Complexo Balnear da Barreirinha, na zona leste do Funchal, todas as infraestruturas de veraneio sob a alçada da Câmara, geridas pela empresa municipal FrenteMar, estão agora operacionais e dispõem de nadadores-salvadores, cujo contingente é de 26 elementos.

"Fizemos obras num tempo recorde na Barreirinha, no Lido, na Ponta Gorda e na Doca do Cavacas", disse Paulo Cafôfo, vincando que na praia Formosa, onde 600 metros são da responsabilidade da autarquia, foi também reposto o passadiço que tinha sido destruído pelo mar.

As praias e complexos balneares do Funchal foram bastante danificados pelo temporal que afetou a costa sul da Madeira no início do ano, sendo que um levantamento efetuado pela autarquia aferiu prejuízos na ordem dos 670 mil euros.

"Nunca tivemos qualquer verba de comparticipação por parte do Governo Regional para a recuperação destas infraestruturas", afirmou Paulo Cafôfo, acentuando que Câmara Municipal do Funchal decidiu então avançar com as obras, tendo em conta que "somos uma cidade de mar e teríamos de estar operacionais para o verão".

Na Barreirinha, foram investidos 165 mil euros, em obras ao nível da consolidação do solário e da escarpa sobranceira.

C/ LUSA