Política

Testes detetaram 70 universitários positivos (vídeo)

Madeira aperta com controlos dos alunos que regressam à ilha, obrigando a dois testes e a cinco dias em caso de isolamento

Com a evolução da situação pandémica no país e na Madeira o governo pede um reforço das medidas de prevenção de forma a conter eventuais situações de contágio.

Até ao final da semana a maior parte dos lares da Região devem estar vacinados contra à covid-19, com exceções para as instituições que detetaram recentemente casos positivos.

Apesar de nas últimas semanas alguns lares terem detetado casos positivos, o governo prevê ter a maior parte das instituições vacinadas em breve.

Com a chegada de centenas de estudantes à ilha, devido à suspensão das aulas nas universidades no continente, o governo alerta para o reforço das medidas de prevenção da pandemia, por exemplo a dupla testagem e o cumprimento do isolamento profilático.

As regras mantém-se também para uma chegada antecipada de estudantes universitários à Madeira.

O rastreio à covid-19 nos seis laboratórios espalhados pelo continente já detetaram 414 casos positivos, em 55 mil testes desde 1 de julho do ano passado.

As autoridades de saúde alertam para o registo de informações corretas nas plataformas que acompanham os passageiros que chegam à Madeira e ainda a obrigatoriedade do cumprimento do isolamento profilático.