Sociedade

17.ª Regata de Canoas Tradicionais da Madeira decorre a 12 de julho

A competição, organizada pela Câmara do Funchal em parceria com a Associação Regional de Canoagem da Madeira e com o apoio da Associação da Madeira Desporto para Todos, acontece, a 12 de julho, às 12h00, na Baía do Funchal.

17.ª Regata de Canoas Tradicionais da Madeira decorre a 12 de julho

© DR

Será realizado, no Cais do Funchal, pelas 10h30, um “briefing” para entrega de placas e apresentação da prova. 
A competição irá decorrer sob rigorosas medidas de segurança devido à pandemia da Covid-19, tendo sido limitado o número de inscritos. 

Uma iniciativa que envolve participantes de cinco concelhos da Região Autónoma da Madeira: Santa Cruz, Funchal, Câmara de Lobos, Ponta do Sol e Porto Moniz.

Devido às condições atuais, só são permitidos dois remadores em cada canoa. 

O trajeto da regata será idêntico ao das edições anteriores, em plena Baía do Funchal, com partida e chegada no Varadouro de São Lázaro contornando boia sinalizadora colocada em frente à Praia da Barreirinha, numa distância de aproximadamente 2,5 quilómetros. 

Além dos prémios atribuídos aos três primeiros classificados por classe, todos os participantes irão receber uma medalha de presença no evento e uma T-Shirt alusiva à Regata. 

As canoas tradicionais vão estar organizadas em duas classes: 

CLASSE CANOAS TRADICIONAIS: • Maioritariamente madeira; Remos paralelos (um remar): • Bancos fixos; • Mantenham os traços de canoas tradicionais de pesca. • Comprimento igual ou superior a 3 metros. 

• CLASSE CANOAS NÃO TRADICIONAIS: Todas as outras que não se enquadrem na classe das Canoas Tradicionais. Este ano na partida só será possível estar na linha de largada 15 canoas.

C/Lusa