Sociedade

ANACOM assegura 5G na Madeira

A empresa assegurou a usabilidade de faixas pioneiras do 5G na Região, depois de terminado o processo de migração TDT para libertação da faixa 700 MHz, com vista ao leilão do 5G e outras faixas relevantes.

ANACOM assegura 5G na Madeira

© RTP

Na Madeira, o processo de migração da TDT ocorreu na Madeira entre 9 e 18 de dezembro de 2020, e dadas as contingências impostas pela pandemia, esta ação de monitorização foi realizada no início do mês de março, na Madeira e Porto Santo.

“Os trabalhos realizados envolveram a monitorização em cerca de duas centenas de locais, mais de 700 Km percorridos e 75 horas de trabalho levadas a cabo por uma equipa técnica. Esta ação abrangeu todos os concelhos e freguesias da região autónoma da Madeira, de modo a garantir que a faixa 694/790 MHz (700MHz) está totalmente operacional para uso pelos operadores que adquiram espectro no leilão do 5G”, pode ler-se numa nota enviada às redações.