Sociedade

Governo dos Açores quer 65% de energia limpa na eletricidade

O secretário dos Transportes, Turismo e Energia do Governo dos Açores, Mário Mota Borges, disse hoje que o executivo pretende que a região tenha uma penetração de 65% de energia limpa até 2025 na produção de eletricidade.

Governo dos Açores quer 65% de energia limpa na eletricidade

© Lusa

“A política energética do Governo dos Açores privilegiará os investimentos públicos e de iniciativa privada no aproveitamento das fontes de energia renováveis como energia hídrica, solar, eólica e especialmente a energia geotérmica”, afirmou.

E acrescentou: “Para a concretização desse desígnio, vamos fomentar projetos assentes em soluções de armazenamento e gestão inteligente de energia, estabelecendo como meta até 2025 uma penetração de 65% de energia limpa para a obtenção de eletricidade”.

Mota Borges falava hoje na comissão permanente de Assuntos Parlamentares, Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, realizada na Assembleia Legislativa dos Açores, na cidade da Horta, na ilha do Faial.

O secretário regional afirmou que a transição energética acarreta “claras vantagens económicas, sociais e ambientais para todos”.

C/Lusa