Sociedade

Navio Ocean Viking resgata 158 migrantes do Mediterrâneo central

O navio Ocean Viking, da SOS Méditerranée, resgatou hoje 158 migrantes no Mediterrâneo central, entre os quais seis mulheres grávidas e um bebé de três meses, informou a organização não-governamental nas redes sociais.

Navio Ocean Viking resgata 158 migrantes do Mediterrâneo central

© DR

“Esta manhã, as equipas do Ocean Viking resgataram 158 sobreviventes de dois barcos de borracha sobrelotados em águas líbias. Um homem ferido teve de ser retirado numa maca. Entre os que foram salvos estão seis mulheres grávidas, vários bebés e uma criança de três meses", refere a ONG, citada pela agência de notícias espanhola.

Segundo os testemunhos recolhidos, os migrantes passaram nove horas no mar antes de serem ajudados, tendo muitos deles sofrido insolação e angústia emocional, adianta.

O serviço telefónico Alarm Phone, que responde aos pedidos de ajuda de barcaças de migrantes no Mediterrâneo central, também alertou nas redes sociais que durante dois dias 120 migrantes navegaram numa barcaça em perigo ao largo da costa de Malta.

“Depois de dois dias no mar, as 120 pessoas estão exaustas e precisam de ser resgatadas urgentemente! Apelamos às autoridades europeias para que façam o seu dever e salvem as pessoas!", escreveu.

Na quinta-feira chegou ao porto siciliano de Augusta o navio GeoBarents, dos Médicos Sem Fronteiras (MSF), com 471 migrantes a bordo, muitos dos quais foram resgatados no mar há mais de sete dias.

Este ano, até 18 de maio, chegaram à costa italiana 15.876 migrantes, contra 13.357 que o fizeram no mesmo período do ano passado, segundo dados do Ministério do Interior italiano.

Lusa