Sociedade

Número de óbitos supera o dos últimos dois anos

De acordo com a Direção Regional de Estatística da Madeira, nos primeiros oito meses de 2021, contabilizaram-se 1 878 óbitos de residentes na Região, mais 54 óbitos do que no ano precedente e mais 60 óbitos que em 2019.

Número de óbitos supera o dos últimos dois anos

© Canva

Segundo a informação preliminar obtida a partir dos assentos de óbito apurados no âmbito do Sistema Integrado do Registo e Identificação Civil (SIRIC), na RAM, nos primeiros oito meses de 2021, contabilizaramse 1 878 óbitos de residentes na Região, mais 54 óbitos do que no ano precedente e mais 60 óbitos que em 2019. Em 2018, no mesmo período, tinham falecido 1 903 residentes.

Por mês, agosto (312) registou o número de óbitos mais elevado dos últimos dezoito anos, enquanto abril (205) teve o mais baixo número de óbitos do atual século.

Contudo, é possível analisar esta informação de modo mais detalhado, definindo o intervalo temporal que medeia entre 16 de março e 31 de agosto. Recorde-se que na Região Autónoma da Madeira (RAM), o primeiro caso de Covid-19 foi reportado a 16 de março de 2020, sendo que a primeira morte por Covid-19 na RAM ocorreu a 1 de novembro do mesmo ano

Conclui-se que no período entre 16 de março e 31 de agosto de 2021 faleceram 1 212 pessoas, um número inferior ao registado no mesmo período de 2020 (1 242), mas superior ao de 2019 (1 157). Em 2018, o número
de óbitos no referido período foi inferior ao de 2021 (1 201).

Dos 1 212 óbitos de residentes registados entre 16 de março e 31 de agosto de 2021, segundo a Direção Regional de Saúde, apenas 8 foram motivados por complicações derivadas de infeção pelo SARS-CoV-2.