Sociedade

PSD afinal não vai integrar núcleo de Mulheres Sociais-Democratas na estrutura do partido

O Presidente do PSD/Madeira e Chefe do Executivo Regional, Miguel Albuquerque, disse hoje que o partido não vai promover alterações aos estatutos para integrar novas estruturas, contrariando afirmações da deputada e Vice-Presidente do Parlamento madeirense Rubina Leal.

PSD afinal não vai integrar núcleo de Mulheres Sociais-Democratas na estrutura do partido

© DR

Em declarações ao Diário de Notícias da Madeira, divulgadas na edição impressa de hoje, Rubina Leal anunciou a criação para breve do núcleo das Mulheres Social-Democratas da Madeira (MSD/M), indicando que o projeto começou a ser concebido em 2019 e conta com o apoio do presidente do partido.

O PSD/Madeira emitiu, no entanto, um comunicado, assinado por Miguel Albuquerque, no qual rejeita a integração daquele núcleo na sua estrutura.

"Não serão promovidas quaisquer alterações aos estatutos do partido no sentido de integrar novas estruturas, nomeadamente a das Mulheres Social-Democratas", refere.

Miguel Albuquerque sublinha, por outro lado, que as "escolhas" para as eleições autárquicas de 2021 serão avaliadas "no momento próprio", pelo presidente e órgãos do partido e depois de "ouvir as estruturas locais".

A decisão final sobre as listas do PSD às eleições autárquicas será divulgada após o congresso regional agendado para 21 e 22 de novembro.

C/Lusa