FC Porto visita Santa Clara em teste de dificuldade média

| 1.ª Liga

O FC Porto parte unido para os Açores à procura de mais uma vitória
|

O campeão e líder FC Porto é favorito incontestado na visita aos Açores, para defrontar o Santa Clara, numa 13.ª jornada da I Liga de futebol em que os rivais Sporting e Benfica também enfrentam adversários insulares.

Os “dragões”, treinados por Sérgio Conceição, regressam 16 anos depois a São Miguel para defrontar a equipa açoriana, após a sua subida esta época ao principal escalão do futebol português e cuja última presença datava de 2002/2003, enquanto o Sporting recebe o Nacional e o Benfica desloca-se à Madeira para jogar com o Marítimo.
Teste importante para os azuis e brancos

O FC Porto chega aos Açores após 12 triunfos consecutivos, entre Liga, Taça de Portugal, Taça da Liga e “Champions”, com a equipa a somar vitórias sucessivas desde a derrota na Luz, com o Benfica (1-0), em 7 de outubro.

Na liderança do campeonato, com mais dois pontos do que o Sporting (2.º), o FC Porto visita o Santa Clara (9.º) depois de ter vencido fora na Liga dos Campeões o Galatasaray, por 3-2, e igualado o melhor registo que tinha na prova, com 16 pontos.

Os açorianos, que já perderam esta temporada em casa, com o Sporting (2-1), chegam ao encontro de sábado, às 20h30 em Lisboa, depois de vencerem fora o Moreirense (1-0) e colocarem fim a uma série de três derrotas consecutivas no campeonato.
Rivais lisboetas com cautelas
Benfica e Sporting apenas jogam no domingo, completando os confrontos dos “grandes” com equipas das ilhas na 13.ª ronda, com as “águias” (4.ªs) a defrontarem fora o Marítimo (13.º) e os “leões” (2.ºs) a receberem o Nacional (12.º).

Os encarnados fecharam a Liga dos Campeões com uma vitória pela margem mínima diante do AEK Atenas (1-0), com nova exibição sofrível e num jogo em que Rafa se lesionou, encontrando na Madeira um adversário que não vence desde 2 de setembro.

Os maus resultados levaram a equipa a chamar Petit, na sequência da saída do treinador Cláudio Braga, e foi já o ex-futebolista internacional português que viu na última ronda a equipa arrancar nos descontos um empate em Santa Maria da Feira.

O Nacional visita Alvalade numa fase em que o Sporting tem apresentado um bom futebol sob o comando de Marcel Keizer, que não poderá contar com Wendell, lesionado, e Acuña, suspenso.

O treinador holandês substituiu José Peseiro no comando da equipa lisboeta, que ainda foi treinada, interinamente, por Tiago Fernandes num período de transição, no início de novembro.
Flavienses a estrear treinador
Após essa experiência, durante a qual venceu o Santa Clara e o Desportivo de Chaves e empatou com o Arsenal, Tiago Fernandes assumiu os sub-23 dos “leões” até ser convidado, esta semana, para treinar os flavienses.

A má campanha, que coloca a equipa transmontana no 18.º e último lugar, com apenas sete pontos, levou à saída de Daniel Ramos e será já Tiago Fernandes a orientar no sábado a equipa na receção ao Moreirense (10.º).

Em outros jogos da jornada, o Vitória de Guimarães (5.º) visita o Desportivo das Aves (15.º), o Rio Ave (6.º) recebe o Belenenses (7.º), e o Boavista (14.º) joga no Bessa com o Tondela (17.º).

A informação mais vista

+ Em Foco

A Festa dos Tabuleiros regressa às ruas da cidade de Tomar. Um longo desfile em que 750 tabuleiros são transportados por mulheres.

    Os líderes europeus não chegaram a acordo sobre quem deve liderar a União nos próximos cinco anos.

    Toda a informação sobre a União Europeia é agora agregada em conteúdos de serviço público. Notícias para acompanhar diariamente na página RTP Europa.

      Em cada uma destas reportagens ficaremos a conhecer as histórias de pessoas ou de projectos que, por alguma razão, inspiram ou surpreendem.