Sporting pede assembleia geral extraordinária

| 1.ª Liga

Jogadores do Sporting foram agredidos na Academia de Alcochete
|

Num comunicado em que volta a repudiar os acontecimentos da última terça-feira, o Sporting anunciou que vai ser marcada uma Assembleia Geral Extraordinária para a analisar a situação que o clube de Alvalade vive.

Num comunicado com sete pontos, o Sporting anunciou que o Conselho Diretivo e a Comissão Executiva do clube de Alvalade se juntaram e tomaram a decisão de marcar uma assembleia geral extraordinária, com data ainda por definir.

"Enviámos hoje ao Senhor Presidente da Mesa da Assembleia-Geral do Sporting Clube de Portugal, um pedido de Assembleia Geral Extraordinária a ser marcada o mais breve possível, para analisar a situação actual do Clube".

O mesmo comunicado também faz referência às buscas realizadas esta quarta-feira na SAD do Sporting, reiterando que o clube está disponível para colaborar com as autoridades e a justiça, garantindo que o "Sporting CP pauta a sua actuação pelo respeito pela legalidade, transparência e lisura de todos os seus actos".

Sobre os acontecimentos de terça-feira, na Academia de Alcochete, o Sporting deixou o seu repúdio às declarações que envolvem Bruno de Carvalho no sucedido.

E explicou que as forças policiais atuaram de forma pronta e que "se se vier a comprovar que os autores deste acto ignóbil foram Sócios do nosso Clube, enviaremos de imediato a respectiva participação para o Conselho Fiscal e Disciplinar para que nos termos estatutários se promova a expulsão dos infractores".


Tópicos:

Comunicado, Sporting,

Pesquise por: Comunicado, Sporting,

A informação mais vista

+ Em Foco

No 20.º aniversário da Exposição Universal sobre os Oceanos, a Antena 1 e a RTP estiveram à conversa com alguns dos protagonistas do evento.

    Um dos mais conceituados politólogos sul-coreanos revelou à RTP o modo de pensar e agir de Pyongyang.

    Portugal foi oficialmente um país neutro na 2ª guerra Mundial. Mas isso não impediu que quase mil portugueses tivessem sido deportados, feitos prisioneiros ou escravos pelos nazis.

      Uma caricatura do mundo em que vivemos.