Bolsonaro responsabiliza ONG por incêndios na Amazónia

| Ambiente

O fogo está a destruir a Amazónia, uma das jóias do planeta
|

O Presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, olha para os violentos incêndios que lavram na Amazónia e aponta o dedo às organizações não-governamentais.

Bolsonaro fala de um ato de vingança por parte das ONG do país, depois de terem sido retirados financiamentos pelo Governo.


Na Amazónia, desde o início do ano até agora, foram registados mais sete mil focos de incêndio, números alarmantes que tendem a piorar. Cinco mil focos foram registados só este mês.

O Observatório do Clima, uma coligação de cerca de 50 organizações não-governamentais brasileiras que defendem o ambiente, perante os incêndios que lavram por esta altura, considera ser o reflexo da irresponsabilidade do Presidente brasileiro.

O ministro brasileiro do Ambiente, Ricardo Salles, veio a público afirmar que a nuvem de fumo que cobriu o céu de São Paulo era uma notícia falsa.

O céu ficou negro com o fumo das queimadas que ficam a 2200 quilómetros.

Ambientalistas e especialistas em biodiversidade alertam que a situação na Amazónia é consequência das decisões governamentais que permitem o corte de árvores - os restos, folhas e galhos, são queimados.

À conversa com o jornalista Mário Galego, o especialista em biodiversidade José Miguel Cardoso Pereira explica que os incêndios resultam de queimadas que acontecem cada vez mais por causa do desmatamento e sintetiza os impactos.

Dados do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais, com base em imagens de satélite, indicam que as queimadas no Brasil aumentaram 82 por cento de janeiro a agosto deste ano, em comparação com o mesmo período de 2018.

A informação mais vista

+ Em Foco

Na semana em que se assinala o início da II Guerra Mundial, a RTP conta histórias de portugueses envolvidos diretamente no conflito.

    Entrevista Olhar o Mundo a um dos autores e investigadores militares mais reconhecidos do mundo anglo-saxónico.

    Toda a informação sobre a União Europeia é agora agregada em conteúdos de serviço público. Notícias para acompanhar diariamente na página RTP Europa.

      Em cada uma destas reportagens ficaremos a conhecer as histórias de pessoas ou de projectos que, por alguma razão, inspiram ou surpreendem.