Benfica apura-se para ronda de elite da ‘Champions’ de futsal com goleada

por Lusa
Pedro A. Pina - RTP

O Benfica venceu esta quinta-feira por 5-1 os russos do Sinara Yekaterinburg, na segunda jornada no grupo 1 da fase principal da Liga dos Campeões de futsal, num triunfo obtido com uma reviravolta, que garante a passagem das ‘águias’ à ronda de elite da competição.

Apesar de ter estado em desvantagem, com um golo inaugural de Sokolov, aos oito minutos, o conjunto português ainda resgatou a igualdade antes do intervalo, com um tento de Tayebi, partindo para reviravolta após o descanso, com Robinho, Silvestre Ferreira, Rómulo e novamente Tayebi a marcarem no segundo tempo.

Com este resultado, o Benfica assume liderança isolada do grupo, com seis pontos, e já garantiu que será um dos três apurados da ‘poule’ para a ronda e elite de competição.

Os lisboetas, apesar de entrarem neste desafio com uma postura mais ofensiva, e deixando cedo avisos em remates de Chiskala e Robinho, concederam algum espaço para os contra-ataques do conjunto russo, que aos oito minutos, e contra a corrente do jogo, se colocaram em vantagem.

O tento aconteceu na sequência de um livre, em que Sokolov surgiu solto de marcação e de primeira rematou para o 1-0, num dos primeiros remates do Sinara Yekaterinburg à baliza dos portugueses.

Apesar da contrariedade, o Benfica reagiu bem e partiu, de imediato, em busca de resgatar o empate, conseguindo-o em menos de um minuto, aproveitando uma recuperação de bola de Robinho, que Tayebi finalizou no 1-1.

Com a igualdade, o ritmo de jogo aumentou, e apesar do Benfica se manter mais pressionante e rematador, a equipa do leste europeu também causava desequilíbrios, novamente, em contra-ataque, mas ambas sem pontaria para alterar o empate ao intervalo.

O regresso de descanso devolveu as equipas com a mesma postura, com o Sinara Yekaterinburg mais na expectativa e dando a iniciativa ao Benfica, que foi aproveitando para pressionar em busca da vantagem.

Nesta toada, acabou por não surpreender a reviravolta no marcador, aos 26 minutos, quando, na recarga a um remate inicial de Chishkala, Robinho rematou de longe para o 2-1.

A estratégia de contenção dos russos ruiu com este segundo tento dos ‘encarnados’, forçando-os a exporem-se e acabando por sofrera o 3-1, logo no minuto seguinte, numa jogada individual do jovem Silvestre Ferreira, que, numa arrancada pela linha lateral, só parou com um remate eficaz de ângulo difícil.

A partir de então o Benfica passou a gerir o desafio com tranquilidade, e perante um adversário que se teve de expor, ainda mais, jogando com guarda-redes adiantado, acabou por ampliar a vantagem com mais um tento de Tayebi e um outro de Rómulo, ambos aos 34 minutos, que selaram o triunfo.

As ‘águias’ fecham a sua prestação neste grupo 1, no duelo com os eslovacos do em Lucenec, agendado para sábado, às 16h00.
pub