UGT quer que, em 2023, o salário seja superior aos 750 euros

por RTP

A UGT quer que, em 2023, o salário mínimo seja superior aos 750 euros anunciados pelo Governo. A central sindical admite a possibilidade de aumentos por patamares de 50 euros por ano, até à meta de 800 euros no fim da Legislatura.

São intenções reveladas na véspera da reunião de concertação social, aquando da visita de uma equipa do Ministério do Trabalho.

A ministra do Trabalho, Ana Mendes Godinho, reúne-se hoje com os parceiros sociais e sindicatos, para apresentar cumprimentos e identificar os principais temas a trabalhar na nova Legislatura.