Tribunal cível do Porto não aceitq providência cautelar interposta pelo Benfica

| Desporto
Tribunal cível do Porto não aceitq providência cautelar interposta pelo Benfica

A ver: Tribunal cível do Porto não aceitq providência cautelar interposta pelo Benfica

O clube da Luz queria impedir o Porto Canal de divulgar novos e-mails por parte de elementos ligados ao FC Porto.

Essa intenção foi negada pelo tribunal que considera não existir "concorrência desleal", o argumento utilizado pelo Benfica para interpor a referida providencia cautelar.

Os encarnados já reagiram, considerando a decisão muito grave, absurda e com recurso inevitável.

Numa nota oficial, os encarnados escreveram que "só a confissão clubística do Senhor juiz atenua a surpresa".

A informação mais vista

+ Em Foco

A presidente do CNAPN diz que a chave está nos líderes das mesquitas e pede mais apoio do Alto Comissariado para as Migrações.

    Marco Aurélio de Mello considera que a prisão de Lula da Silva, após condenação em segunda instância, viola a Constituição brasileira.

      Sintra podia ser uma "mini Davos". A sugestão foi feita informalmente por um dos académicos que participou na reunião do BCE concluída em 20 de junho.

        Dados revelados no Digital News Report de 2018 do Reuters Institute.