Coreia do Sul disponibiliza 5 mil milhões de dólares para cooperação com África

| Economia

|

O Governo da Coreia do Sul anunciou hoje que vai disponibilizar 5 mil milhões de dólares em assistência financeira e cooperação económica com África nos próximos dois anos, tendo definido seis áreas prioritárias de investimento.

"A Coreia do Sul tem experiência em desenvolvimento económico e podemos aproveitar esta experiência para promover a cooperação económica com África, e também nas infraestruturas podemos dar uma vantagem competitiva, além de fortalecer o envolvimento do setor privado em áreas como as tecnologias e as 'smart cities', porque é nestas áreas que somos fortes", disse o vice-primeiro-ministro e ministro das Finanças coreano, Dong Yeon Kim.

Na conferência de imprensa conjunta entre o governante coreano e o presidente do BAD, que se seguiu à reunião entre os governadores do Banco e o Governo da Coreia do Sul, que decorreu hoje em paralelo aos Encontros Anuais do BAD, em Busan, Kim explicou que "os governantes africanos estiveram muito interessados na experiência de desregulamentação e reforma laboral".

A reunião dos governadores do BAD decorre esta semana na Coreia do Sul e tem como tema oficial `Acelerando a Industrialização de África`, e decorre num contexto de crescimento fraco no continente e de dívida pública excessiva.

Os Encontros Anuais são uma das maiores reuniões económicas sobre o continente africano, juntando chefes de Estado, acionistas de referência no setor público e privado, governadores dos 80 bancos centrais que são acionistas do BAD e académicos e parceiros para o desenvolvimento.

Tópicos:

Encontros Anuais BAD,

A informação mais vista

+ Em Foco

O criador dos óculos de realidade virtual está a desenvolver tecnologia que vai transferir jogos de vídeo para os campos de batalha.

Reunimos aqui reportagens sobre as forças de elite portuguesas, emitidas por ocasião dos 100 anos do Armistício que pôs fim à I Guerra Mundial.

    O coração de Lisboa foi palco do maior desfile militar dos últimos 100 anos no país, por ocasião do centenário do Armistício que pôs fim à I Grande Guerra.

      Toda a informação sobre a União Europeia é agora agregada em novos conteúdos de serviço público que podem ser seguidos na página RTP Europa.