Dívida dos hospitais públicos a fornecedores aumentou 195 milhões de euros em 5 meses

| Economia
Dívida dos hospitais públicos a fornecedores aumentou 195 milhões de euros em 5 meses

A ver: Dívida dos hospitais públicos a fornecedores aumentou 195 milhões de euros em 5 meses

Os números são revelados pelo Diário de Noticias. A Associação Portuguesa da Indústria Farmacêutica é a mais penalizada e refere que a dívida total "tem vindo a aumentar de forma consistente". Em junho, estava em 930 milhões, perto do valor registado quando o país estava sob assistência financeira.

A APIFARMA diz que "a indústria farmacêutica está a financiar o Estado a custo zero" e é preciso rever o modelo de financiamento.

A informação mais vista

+ Em Foco

Impostos, orçamentos, metas para o próximo ano. A RTP descodifica a proposta de Orçamento do Estado apresentada pelo ministro das Finanças esta sexta-feira.

    Mário Centeno também deixou no ar a ideia de que, na discussão da especialidade do OE2018, seja posto um ponto final nos cortes do subsídio de desemprego.

    João Guerreiro, presidente da comissão que elaborou o relatório sobre Pedrógão Grande, enumera responsabilidades "momentâneas" e "estruturais".

    Os governos espanhol e catalão além de estarem de costas voltadas entrincheiraram-se em narrativas de auto-justificação absolutamente incompatíveis entre si.