Espírito Santo Property conclui pagamento de 36 ME a credores

| Economia

A Espírito Santo Property Portugal concluiu o pagamento de 36 milhões de euros de dívida a mais de 360 credores, segundo a carta enviada aos lesados do papel comercial da empresa a que a Lusa teve hoje acesso.

O pagamento tanto a particulares como a entidades institucionais foi feito no âmbito do Plano Especial de Revitalização (PER) de maio de 2015, e significa a antecipação em cerca de um ano da conclusão do pagamento da totalidade da dívida, uma vez que estava prevista terminar em junho de 2020.

Segundo a carta a que a Lusa teve acesso, o PER aprovado com o objetivo de reestruturar a empresa e assegurar o pagamento integral das dívidas aos credores passava pela redução dos custos de funcionamento, conclusão de projetos imobiliários em curso e venda de imóveis, o que foi feito.

"As medidas foram implementadas na íntegra e a mobilização dos ativos arrestados à ordem do tribunal foi executada sempre em articulação e com a aprovação prévia das entidades judiciais, tendo como objetivo gerar os meios financeiros necessários à satisfação das expectativas e dos compromissos assumidos", lê-se na carta.

A ES Property, que pertencia ao Grupo Espírito Santo, sob o controlo da Rio Forte, gere ativos imobiliários e desenvolve atividades de promoção imobiliária.

Tópicos:

BES Espírito,

A informação mais vista

+ Em Foco

Um "cemitério de dinossauros" descoberto na Argentina, com 220 milhões de anos apresenta fósseis de uma dúzia de animais.

    Um dia que ficará para a história. O dia em que um dos monumentos mais emblemáticos do Mundo foi apanhado pelo fogo.

    Toda a informação sobre a União Europeia é agora agregada em conteúdos de serviço público. Notícias para acompanhar diariamente na página RTP Europa.

      Em cada uma destas reportagens ficaremos a conhecer as histórias de pessoas ou de projectos que, por alguma razão, inspiram ou surpreendem.