Jerónimo reafirma que PCP só decide sobre orçamento depois de o discutir

| Economia

O líder do PCP reafirmou hoje que os comunistas vão discutir o próximo Orçamento do Estado sem ter tomado uma decisão sobre o documento, sustentando que o partido "não abdica de nenhum combate sem o ter travado".

"O PCP não abdica de nenhum combate sem o ter travado", vincou o secretário-geral comunista, Jerónimo de Sousa, no discurso de encerramento da 9.ª Assembleia da Organização Regional de Beja do partido, no Centro Cultural da vila alentejana de Cuba.

A decisão do PCP sobre o Orçamento do Estado para 2019, acentuou, será tomada após "o exame concreto" ao documento e "verificação se ele corresponde aos interesses dos trabalhadores" e se avança "na reposição e conquista de direitos".

A informação mais vista

+ Em Foco

Um terramoto de magnitude 7,5 e um tsunami varreram a ilha de Celebes, causando a morte de pelo menos duas mil pessoas. A dimensão da catástrofe é detalhada nesta infografia.

    O desaparecimento do jornalista saudita fragiliza a relação dos EUA com uma ditadura que lhe tem sido útil a combater o Irão e a manter os preços do petróleo.

      Na Venezuela, os sequestros estão a aumentar. Em Caracas, só este ano foram raptadas 107 pessoas.

        Faltam seis meses para a saída do Reino Unido da União Europeia. Dia 29 de março de 2019 é a data para o divórcio. A RTP agrega aqui uma série de reportagens sobre o que o Brexit pode significar.