Lucro da Mapfre aumenta 20,5% para 380 milhões de euros no primeiro semestre

por Lusa

Lisboa, 27 jul (Lusa) - O lucro da Mapfre aumentou em 20,5% no primeiro semestre, para 380 milhões de euros, o que é justificado com uma gestão técnica e financeira precisa "num mercado exigente".

Em comunicado à Comissão Nacional do Mercado de Valores (CNMC), o grupo espanhol informa que a receita atingiu até junho os 14.641 milhões de euros, mais 0,8% do que no mesmo período do ano anterior, enquanto os prémios chegaram aos 12.080 milhões de euros, um decréscimo de 0,8%.

A seguradora destaca a melhoria do negócio em Espanha nos primeiros seis meses deste ano, com um aumento de 9,4%, o mais significativo desde o início da crise económica.

Em contrapartida, o negócio recuou na América Latina, em geral, e no Brasil, em particular.

"Estes resultados são consequência da estratégia estabelecida para o período de 2016-2018, que coloca o foco no crescimento rentável, com uma gestão técnica do negócio excelente, o que é traduzido em maior rentabilidade", explica o presidente da Mapfre, Antonio Huertas.

Segundo o responsável, esta melhoria "pode ser vista principalmente na Espanha, onde os principais ramos têm crescido com solidez, os custos internos continuam em queda e a rentabilidade dos principais negócios tem melhorado significativamente, especialmente o do ramo automóvel".

Tópicos
pub