Lucros da CGD em Espanha crescem 51% para 9,3 ME no primeiro trimestre

| Economia

A filial em Espanha da Caixa Geral de Depósitos teve um lucro de 9,3 milhões de euros no primeiro trimestre de 2018 (mais 51% face ao período homólogo), depois de ter tido um ganho de 26,4 milhões em 2017 (mais 3,8%).

Em comunicado de imprensa, o Banco Caixa Geral (CGD Espanha) sublinha a sua "boa trajetória", com 17 trimestres consecutivos com resultados positivos, desde o primeiro trimestre de 2014, e o reforço do rácio de solvência de 17,27% no final de 2017 para 18,5% no final de março.

A CGD anunciou há uma semana lucros 68 milhões de euros no primeiro trimestre do ano, o que compara com prejuízos de 38,6 milhões de euros do mesmo período de 2017.

O banco público revelou na altura que a contribuição para este resultado das filiais e sucursais no estrangeiro totalizaram 38 milhões de euros, com o BNU Macau a contribuir com cerca de 15 milhões, a sucursal francesa com 7 milhões, o BCI Moçambique com 7 milhões e hoje ficou-se a saber que a CGD Espanha contribuiu com 9,3 milhões.

O Banco Caixa Geral destaca que os depósitos de clientes cresceram 7% em 2017, para 2.950 milhões de euros, enquanto o crédito aos clientes subiu 3%, para 3.446 milhões de euros.

A taxa de crédito em mora era de 3,07% no final de 2017, "uma das mais baixas do setor financeiro", segundo a filial da CGD.

No final do ano passado, os fundos próprios do Banco Caixa Geral eram de 508 milhões de euros, um aumento de 5,5% em relação a um anos antes.

A rentabilidade da filial medida através do ROE (taxa de retorno sobre o património) era de 7,28% no final de março do corrente ano, um aumento de 2,22 pontos percentuais em relação a um ano antes.

O Banco Caixa Geral pertence ao grupo português da Caixa Geral de Depósitos e tem em Espanha uma rede comercial de 110 balcões e mais de 500 trabalhadores.

O Governo português aprovou em 20 de dezembro último a venda das filiais da CGD em Espanha (Banco Caixa Geral), África do Sul (Mercantile Bank Holdings Limited) e Brasil (Banco Caixa Geral -- Brasil).

A administração da CGD comprometeu-se junto da Comissão Europeia a abandonar estes três mercados, no âmbito da capitalização estatal de 3,9 mil milhões de euros.

Lisboa deverá aprovar em breve o caderno de encargos das várias operações de venda, assim como a lista das empresas interessadas em comprar.

Tópicos:

BCI Moçambique,

A informação mais vista

+ Em Foco

Francisco Veloso, reitor da Imperial College Business School, traça os cenários possíveis após a rejeição do acordo.

O presidente da Câmara dos Comuns é, digamos assim, o equivalente ao presidente da Assembleia da República em Portugal.

Neste Manual do Brexit, explicamos em 12 pontos o que está em causa e os cenários que se colocam.

    Toda a informação sobre a União Europeia é agora agregada em conteúdos de serviço público. Notícias para acompanhar diariamente na página RTP Europa.