Ministro diz que não é tema polémico e defende aposta semelhante à da ferrovia

por Lusa

O ministro das Infraestruturas defendeu hoje, em Oeiras, que a TAP não é um tema polémico e defendeu uma aposta na aviação, semelhante à que foi realizada na ferrovia, com a participação dos setores público, privado e da academia.

O que aconteceu na ferrovia "pode acontecer na aviação. Temos um `cluster` que se tem mostrado muito dinâmico, com um conjunto de investimentos, o que são os ingredientes suficientes para que Portugal possa ter um setor em crescimento", afirmou Pedro Nuno Santos nos AED Days 2022, organizado pelo município de Oeiras e pela AED Cluster Portugal, que envolve mais de 100 entidades dos setores da aeronáutica, espaço e defesa.

Para isso, conforme sublinhou o governante, é preciso que o "público e que o privado não se olhem como adversários, mas cooperantes", também com a ajuda da academia.

No que se refere à TAP, o ministro esclareceu que "não é um tema polémico", notando que a intervenção feita na companhia foi justificada pela sua importância para o país.

Tópicos
pub