Neeleman aceita mais poder de decisão do Estado na TAP

por RTP

O acionista privado da TAP anunciou que está disponível para a entrada do Estado na Comissão Executiva da companhia. O empresário David Neeleman sublinhou que os privados estão empenhados no futuro da TAP.

David Neeleman quebrou o silêncio depois de meses em que nada disse sobre a TAP: "Apesar de não ter sido essa a nossa proposta, agradecemos muito o apoio do Estado português através de um empréstimo de emergência à TAP e aceitamos obviamente as medidas de controlo da utilização desse empréstimo."
.
O Estado tem disponíveis até 1.200 milhões de euros para ajudar a TAP. Mas as negociações entre o Governo e os privados arrastam-se há longas semanas sem que haja, para já, um desfecho.

E agora é o ministro com a tutela da companhia que opta pelo silêncio.
pub