Portugal com maior subida mensal da UE na produção industrial em julho

| Economia

Portugal registou, em julho, o maior crescimento mensal da produção industrial (1,9%), tendo o indicador aumentado 0,1% na zona euro e baixado 0,3% na União Europeia (UE), segundo o Eurostat.

Já face ao mês homólogo de 2016, a produção industrial aumentou 3,2% na zona euro e 3,1% nos 28 Estados-membros.

Entre os 24 Estados-membros para os quais há dados disponíveis, Portugal registou a maior subida em cadeia (1,9%), seguindo-se a Irlanda (1,8%) e a França (0,6%).

Os dados do gabinete oficial de estatísticas da UE mostram que os maiores recuos mensais da produção industrial se observaram na República Checa (-9,8%), na Hungria (-4,1%), em Malta e na Eslováquia (-3,3% cada).

Na variação em cadeia, as maiores subidas no indicador foram observadas na Eslováquia (9,2%), na Letónia (8,9%) e na Roménia (7,6%).

As baixas mais marcantes registaram-se na Irlanda (-9,2%), na Dinamarca (-3,1%) e em Malta (-1,7%).

Em Portugal, a produção industrial aumentou, em termos homólogos, 5,2%.

Tópicos:

Checa % Hungria %, Eslováquia %, Irlanda %,

A informação mais vista

+ Em Foco

Em 9 de abril de 1918, a ofensiva alemã varre a resistência portuguesa. O dossier que se segue lança um olhar sobre o antes, o durante e o depois.

    Quase seis décadas depois, a Presidência de Cuba deixou de estar nas mãos de um membro do clã Castro.

    Porto Santo tem em curso um projeto para se transformar na primeira ilha do planeta livre de combustíveis fósseis.

    Uma caricatura do mundo em que vivemos.