Portugal com taxa de inflação mais baixa da UE em julho -- Eurostat

| Economia

A taxa de inflação anual em julho em Portugal foi a mais baixa da União Europeia (UE), abaixo da média comunitária e da zona euro e uma das mais reduzidas dos últimos anos no país, divulgou o Eurostat.

Segundo dados hoje divulgados pelo gabinete estatístico da UE, o Eurostat, a taxa de inflação anual verificada em julho em Portugal foi de --0,7%, percentagem que compara com a de 0,7% em junho deste ano e com a de 2,2% registada em julho de 2018.

No que toca à média da UE, fixou-se em 1,4% em julho deste ano, baixando face ao mês anterior (em que se registou uma taxa de inflação anual de 1,6%) e relativamente ao mês homólogo do ano passado (tinha sido de 2,2%).

Também na zona euro a tendência foi para queda, com uma taxa de inflação anual de 1% em julho, abaixo da percentagem de junho deste ano (1,3%) e da de julho de 2018 (2,2%).

A seguir a Portugal, que lidera a lista dos países com taxa de inflação anual mais baixa em julho, seguem-se o Chipre (0,1%) e Itália (0,3%), enquanto as percentagens mais altas dizem respeito à Roménia (4,1%), à Hungria (3,3%) e à Eslováquia (3%).

A inflação refere-se ao aumento em termos gerais dos preços de bens e serviços.

Relativamente a junho deste ano, a inflação anual caiu, em julho, num total de 15 Estados-membros da UE, mantendo-se estável noutros dois e subindo nos restantes onze.

A contribuir para estes resultados na zona euro está, de acordo com o Eurostat, a inflação nos serviços, nos produtos alimentares, álcool e tabaco e ainda nos bens industriais e na energia.

Tópicos:

Chipre %, Roménia %,

A informação mais vista

+ Em Foco

A RTP ouviu os seis lideres partidários sobre temas que escapam aos programas políticos e que contribuem para definir o perfil dos candidatos.

    Uma sondagem da Universidade Católica aponta para o fim da hegemonia laranja na Madeira, apesar da vitória do PSD nas regionais (38%) do próximo domingo.

    Na semana em que se assinala o início da II Guerra Mundial, a RTP conta histórias de portugueses envolvidos diretamente no conflito.

      Em cada uma destas reportagens ficaremos a conhecer as histórias de pessoas ou de projectos que, por alguma razão, inspiram ou surpreendem.