Sonae a CTT vão criar uma plataforma de comércio eletrónico

| Economia

As empresas Sonae e CTT - Correios de Portugal anunciaram hoje a criação de uma plataforma conjunta de comércio eletrónico, na qual serão accionistas e investirão entre 10 a 15 milhões de euros, em partes iguais.

Segundo informação enviada à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), a sociedade a criar pelas empresas "pretende beneficiar da dimensão e do potencial de crescimento generalizado do comércio eletrónico".

O acordo hoje assinado refere que nesta nova sociedade, a Sonae e os CTT serão accionistas em partes iguais (50 por cento) e nos dois primeiros anos da operação serão investidos entre 10 e 15 milhões de euros.

"A criação deste `marketplace` constitui uma forte aposta no desenvolvimento do comércio eletrónico, com foco nas pequenas e médias empresas e marcas portuguesas", lê-se no comunicado divulgado pela Sonae, uma multinacional na área do retalho, serviços financeiros, tecnologia, media, centros comerciais e telecomunicações.

Tópicos:

Sonae,

A informação mais vista

+ Em Foco

A presidente do CNAPN diz que a chave está nos líderes das mesquitas e pede mais apoio do Alto Comissariado para as Migrações.

    Marco Aurélio de Mello considera que a prisão de Lula da Silva, após condenação em segunda instância, viola a Constituição brasileira.

      Sintra podia ser uma "mini Davos". A sugestão foi feita informalmente por um dos académicos que participou na reunião do BCE concluída em 20 de junho.

        Dados revelados no Digital News Report de 2018 do Reuters Institute.