TAP registou prejuízos de quase 120 milhões de euros no primeiro semestre

por RTP

A empresa atribui estas perdas à quebra de receitas nos voos para o Brasil e ao aumento dos custos com pessoal devido a novas contratações e aumentos salariais.

A TAP acredita que os resultados devem melhorar na segunda metade do ano, face às reservas já efetuadas e aos ganhos de eficiência conseguidos com a renovação da frota de aviões.

Apesar destes prejuízos, a TAP atingiu um novo recorde de 7,9 milhões de passageiros no primeiro semestre.