Terceira edição de Tondela Brancos Dão quer dar vinhos a provar a três mil pessoas

| Economia

A terceira edição de Tondela Brancos Dão realiza-se em Tondela, no distrito de Viseu, no dia 7 de Julho, e promete dar a provar vinhos de 35 produtores das regiões demarcadas do Dão e dos Vinhos Verdes a cerca de três mil pessoas.

No Parque Urbano de Tondela, o evento decorre durante um dia inteiro e propõe cruzar vinhos brancos e verdes com a gastronomia local, nomeadamente o peixe. O programa inclui provas comentadas e sessões de `showcooking`.

"Este ano, chegámos ao entendimento de que estava na altura de dar maior escala ao evento e torná-lo quase nacional", explica à agência Lusa o vereador da Câmara de Tondela para o Desenvolvimento Económico, Pedro Adão.

Através da parceria com a Comissão Vitivinícola Regional do Dão, o apoio da ViniPortugal e, este ano, o convite feito à Região Demarcada dos Vinhos Verdes, o município de Tondela assume a ambição de ser "o centro nacional dos vinhos brancos".

"Há brancos de muita qualidade no país e cada um tem a sua diferença. Queremos fazer aqui um evento que seja único", afirma Pedro Adão, apontando para o objetivo de, dentro de dois anos, Tondela Brancos Dão chegar "praticamente aos brancos do país inteiro".

Tondela aposta, desta forma, em reavivar a tradição da produção dos vinhos brancos, que em tempos chegou a merecer "a atribuição de muitos prémios".

Após um período em que os brancos foram "completamente esquecidos", a ponto de "terem sido arrancadas as vinhas brancas para plantar tintas", como recorda o vereador, começam a surgir os frutos de uma nova fase para o vinho branco.

"Muitos fizeram novos plantios e começam a surgir muitos produtores já com brancos, crescendo bastante nessa produção, que está a ganhar promoção e mercado. Mas ainda é preciso fazer muito por eles", assume Pedro Adão.

Até porque os incêndios de 2017 também afetaram algumas vinhas na região e Tondela Brancos Dão surge como incentivo aos produtores.

"É preciso voltar a dar força a estes produtores, para ganhar escala e não baixar os braços. Acreditamos que possa haver algum prejuízo (devido aos incêndios). Mas todos continuam a produzir e, os que sofreram, fizeram candidaturas e estão já a apostar em novas plantações para que rapidamente recuperem o património perdido".

Os brancos do Dão são produzidos no vale entre a Serra do Caramulo e a Serra da Estrela, "o que lhes dá uma exposição solar que permite grandes resultados", tanto "em produção tardia como em vinhos novos", nota o vereador.

Tópicos:

Câa, Decada Vinhos, Serra, Urbano, ViniPortugal,

A informação mais vista

+ Em Foco

O Conselho Europeu informal de Salzburgo tem em cima da mesa dossiers sensíveis, com a imigração e o Brexit no topo da agenda. A RTP preparou um conjunto de reportagens especiais sobre esta cimeira.

    Nas eleições primárias, alguns dos mais conceituados senadores democratas foram vencidos por candidatos mais jovens, progressistas e, alguns deles, socialistas.

      Em 1995, dois estudantes desenvolveram um motor de pesquisa. Dois anos depois, Andy Bechtolsheim passou um cheque no valor de 100 mil dólares. Nesse dia, fez-se história: a Google nasceu.

        Os novos desenvolvimentos no diferendo comercial entre os Estados Unidos e a China vieram lançar ainda mais dúvidas sobre os próximos passos que os dois lados poderão adotar.