Veículos ligeiros podem abastecer 25 litros e pesados 100 em postos fora da REPA

| Economia

O Governo anunciou hoje que os veículos ligeiros só podem abastecer no máximo 25 litros de combustível e os pesados 100 litros, durante a greve de motoristas, em postos que não pertencem à Rede de Emergência de Postos de Abastecimento (REPA).

Numa conferência de imprensa em Lisboa, o ministro do Ambiente e da Transição Energética, João Pedro Matos Fernandes, explicou que a REPA tem dois tipos de postos: um de abastecimento exclusivo e outros para o público em geral.

Os de exclusivo são unicamente para as entidades prioritárias, como por exemplo as forças armadas e emergência médica.

"Na restante rede REPA, 321 postos", esclareceu Matos Fernandes, podem abastecer os veículos prioritários e os equiparados, como transporte de produtos agrícolas em fase de colheita, transporte de valores, entre outros.

Também o público em geral poderá abastecer nos postos da REPA que não são exclusivos a transporte prioritário ou equiparado, no entanto, com um limite de 15 litros de combustível.

Tópicos:

REPA,

A informação mais vista

+ Em Foco

Na semana em que se assinala o início da II Guerra Mundial, a RTP conta histórias de portugueses envolvidos diretamente no conflito.

    Entrevista Olhar o Mundo a um dos autores e investigadores militares mais reconhecidos do mundo anglo-saxónico.

    Toda a informação sobre a União Europeia é agora agregada em conteúdos de serviço público. Notícias para acompanhar diariamente na página RTP Europa.

      Em cada uma destas reportagens ficaremos a conhecer as histórias de pessoas ou de projectos que, por alguma razão, inspiram ou surpreendem.