Vendas de ligeiros de passageiros na União Europeia crescem 7,1%

| Economia

|

A procura por ligeiros de passageiros na União Europeia cresceu 7,1% em janeiro, na comparação homóloga, face a um efeito positivo do calendário, informou hoje a Associação Europeia de Construtores de Automóveis (ACEA).

No primeiro mês do ano foram registadas 1.253.877 unidades, segundo comunicado da ACEA, que referiu as maiores subidas de vendas em janeiro na Roménia (+66,4% para 11.744 unidades), na Eslováquia (+48,8% para 8.050) e Hungria (+38,5% para 8.891).

Portugal teve uma descida de 2,8% para um total de 14.603 unidades, integrando assim o grupo de cinco países que assinalaram decréscimos: Chipre (-3,5% para 1.200 unidades), Irlanda (-4,9% para 37.075), Suécia (-1,3% para 22.980) e Reino Unido (-6,3% para 163.615).

A associação notou que o Reino Unido viu, no primeiro mês do ano, as vendas descerem pelo décimo mês consecutivo.

A ACEA referiu ainda os crescimentos em Espanha (+20,3% para 101.661 unidades), na Alemanha (+11,6% para 269.429 unidades) Itália (+3,4% para 177.822) e França (+2,5% para 156.846).

Por construtor, na União Europeia o grupo Volkswagen registou mais 9,2% de vendas de viaturas para 308.353 unidades, o grupo PSA (Peugeot/Citroen/DS/Opel e Vauxahall) mais 73,4% (207.984 unidades), o grupo Renault subiu esse valor em 9,5% (116.559) e o grupo FCA (Fiat/Jeep/Alfa Romeo/Lancia/Chrysler) mais 1% (83. 547).

A associação referiu ainda o crescimento da Ford (+2,1% para 83.401 registos), do grupo BMW (+5,5% para 73.198), da Daimler (+3% para 72.119), do grupo Toyota (+9,6% para 66.156), da Hyundai (+14,4% para 44.108), da Kia (+5,4% para 36.633), da Volvo (+5,2% para 20.838) e da Honda (+0,5% para 11.372).

A descer estiveram a Nissan (-1,4% para 42.046) e o grupo Jaguar Land Rover (-6,4% para 15.096) e GM (-99,8% para 175).

 

Tópicos:

Alemanha + %, BMW + %, Construtores, Daimler +%, Eslováquia + %, FCA Fiat Jeep Alfa Romeo Lancia Chrysler, Ford + %, GM %, Honda + %, Hungria + %, Hyundai + %, Jaguar Land Rover %, Kia + %, Nissan %, PSA Peugeot Citroen DS Opel Vauxahall, Roménia + %, Toyota + %, Unido %, Volvo + %,

A informação mais vista

+ Em Foco

A 15 de outubro de 2017, uma vaga de incêndios fez 50 mortos e dezenas de feridos. Reunimos aqui um conjunto de reportagens elaboradas um ano depois da catástrofe.

    Toda a informação sobre a União Europeia é agora agregada em novos conteúdos de serviço público que podem ser seguidos na página RTP Europa.

      Um terramoto de magnitude 7,5 e um tsunami varreram a ilha de Celebes, causando a morte de pelo menos duas mil pessoas. A dimensão da catástrofe é detalhada nesta infografia.

        Logo após a recuperação das armas roubadas, o ex-chefe do Estado-Maior do Exército proibiu a PJ de entrar na base de Santa Margarida.