PSD, BE e CDS terminam campanha a norte, socialistas e comunistas a sul

| Eleições Europeias 2019

|

Esta sexta-feira é o último dia oficial de campanha para as eleições para o Parlamento Europeu. Porto e Lisboa são os palcos das derradeiras iniciativas partidárias antes da votação de domingo. Os maiores partidos vão contar com a presença dos respetivos líderes partidários.

O cabeça de lista do PSD, Paulo Rangel, inicia o dia com uma visita ao Instituto de Inovação em Saúde (i3S), no Porto.

De seguida, ruma a Vila Verde, distrito de Braga, onde almoça com militantes e simpatizantes, seguindo-se uma arruada no centro de Braga.

Ao final da tarde, já de volta ao Porto, o presidente do PSD, Rui Rio, junta-se à caravana social-democrata para uma arruada que se inicia junto à estação de metro do Bolhão.

Haverá intervenções políticas, entre as quais de Rui Rio, na Praça da Batalha, e para o encerramento, está marcada uma mega caravana, a sair da sede do PSD no Porto, às 22h00, e a terminar às 23h45 na Casa da Música, no Porto.

O CDS também escolheu a baixa do Porto para as iniciativas de campanha, com os candidatos e a líder do partido, Assunção Cristas, a participarem durante a tarde numa arruada que se inicia junto à Reitoria da Universidade do Porto.

Antes, o cabeça de lista centrista, Nuno Melo, estará em Penafiel a visitar uma empresa, seguindo depois para uma reunião com pescadores nas Caxinas, em Vila do Conde.

O encerramento da campanha centrista será em Santa Maria da Feira, distrito de Aveiro, com um jantar com as presenças da presidente do partido e dos candidatos ao Parlamento Europeu.
Na cidade do Porto também andará a caravana bloquista, que percorrerá a Rua de Santa Catarina.

Neste tradicional desfile, além dos candidatos, marcará presença a coordenadora nacional do Bloco de Esquerda, Catarina Martins.

A campanha do BE termina em Coimbra com um jantar de encerramento, com a participação dos candidatos, a que se junta a coordenadora do partido, Catarina Martins.

O PS escolheu Loures e Lisboa para as iniciativas finais de campanha.

A agenda do cabeça de lista, Pedro Marques, começa de manhã com contactos com a população em Moscavide.

Depois, todas as ações contarão com a presença do secretário-geral do PS.

António Costa participa no tradicional almoço na Cervejaria Trindade, onde discursa o antigo secretário-geral socialista e presidente da Assembleia da República, Eduardo Ferro Rodrigues.
Após o almoço, os socialistas vão descer o Chiado e a campanha do PS encerra com um comício, ao final da tarde, na Praça do Município.

A comitiva da CDU também estará no distrito de Lisboa.

O secretário-geral do PCP, Jerónimo de Sousa, participará em todas as iniciativas do último dia de campanha ao lado do cabeça de lista ao Parlamento Europeu, João Ferreira.

O dia começará com uma arruada no Barreiro, seguindo-se uma concentração no Largo do Chiado, já em Lisboa.

Os candidatos, o líder do partido e simpatizantes participam depois num jantar em Loures e o encerramento da campanha comunista acontece com um comício no Seixal.

Nas eleições europeias de 26 de maio são eleitos 21 deputados portugueses ao Parlamento Europeu. Em Portugal concorrem 17 forças políticas.

O processo de eleição dos 751 deputados do Parlamento Europeu para a legislatura 2019-2024 arrancou na quinta-feira na Holanda e no Reino Unido, os dois primeiros países a votar num calendário que se estende até domingo.


c/Lusa

A informação mais vista

+ Em Foco

O maior campo de refugiados na Europa fica na ilha grega de Lesbos. O campo de Moria alberga quase oito mil pessoas, três vezes mais do que a capacidade instalada. Reportagem RTP.

A receita da venda desta madeira ultrapassará os 15 milhões de euros, que devem ser investidos na nova Mata do Rei.

Toda a informação sobre a União Europeia é agora agregada em conteúdos de serviço público. Notícias para acompanhar diariamente na página RTP Europa.

    Em cada uma destas reportagens ficaremos a conhecer as histórias de pessoas ou de projectos que, por alguma razão, inspiram ou surpreendem.