AC Milan de André Silva derrotado em casa pelo último em Itália

| Futebol Internacional

O AC Milan de André Silva marcou hoje passo nas suas ambições europeias ao perder, em casa, com o lanterna vermelha, o Benevento, na 34.ª jornada da liga italiana de futebol.

Iemello (29 minutos), desmarcado na cara de Donnarumma, fez o único golo para os forasteiros, que jogaram reduzidos a 10 a partir dos 80 minutos, por expulsão de Diabité. O Benevento soma agora 17 pontos, mas está ainda a 12 da salvação, que parece impossível.

O AC Milan mantém, provisoriamente, o sexto lugar, com 54 pontos, mas pode ser ultrapassado pela Atalanta (52), que domingo recebe o Torino, ou igualado pela Sampdoria (51), que visita a Lazio.

A Roma não teve problemas para vencer por 3-0 na casa da SPAL, a primeira equipa acima da linha de água, com apenas um ponto de vantagem sobre o Crotone.

O conjunto da capital descolou da Lazio e isolou-se provisoriamente no terceiro lugar, com 67 pontos, em campeonato liderado pela Juventus com 85, seguida do Nápoles com 81.

Com golo solitário de Politano (41), o Sassuolo venceu a Fiorentina de Gil Dias e Bruno Gaspar, que entraram no decurso da segunda parte, com os forasteiros reduzidos a 10 desde os 30 minutos, após expulsão do francês Dabo.

Como este triunfo o Sassuolo afastou-se dos lugares de despromoção, enquanto a Sampdoria desperdiçou o deslize do AC Milan, pois em caso de triunfo igualava-o no europeu sexto lugar.

A informação mais vista

+ Em Foco

No 20.º aniversário da Exposição Universal sobre os Oceanos, a Antena 1 e a RTP estiveram à conversa com alguns dos protagonistas do evento.

    Em 9 de abril de 1918, a ofensiva alemã varre a resistência portuguesa. O dossier que se segue lança um olhar sobre o antes, o durante e o depois.

      Portugal foi oficialmente um país neutro na 2ª guerra Mundial. Mas isso não impediu que quase mil portugueses tivessem sido deportados, feitos prisioneiros ou escravos pelos nazis.

        Uma caricatura do mundo em que vivemos.