UEFA castiga Rangers e Levski de Sofia devido a comportamentos racistas

| Futebol Internacional

|

O Comité de controlo, ética e disciplina da UEFA puniu hoje os escoceses do Rangers e os búlgaros do Levski de Sofia com o encerramento parcial dos respetivos estádios nos próximos jogos europeus de futebol, devido a comportamentos racistas.

Através do um comunicado, o organismo dá conta de que os comportamentos de adeptos de Rangers e Levski aconteceram nos encontros com o St Joseph’s e MFK Ružomberok, respetivamente, ambos referentes aos encontros da primeira pré-eliminatória da Liga Europa.

O comité da UEFA refere que “ordenou encerrar parcialmente o estádio” dos dois clubes, quando estes voltarem a serem anfitriões nas competições europeias, devendo informar “urgentemente” qual o setor (com pelos menos 3.000 lugares) a encerrar, estando ainda obrigados a exibirem uma tarja com o texto “#EqualGame” e com o logótipo da UEFA.

A juntar a este castigo, o Levski de Sofia foi também multado em 4.500 euros por conduta imprópria da equipa.

A informação mais vista

+ Em Foco

Uma sondagem da Universidade Católica aponta para o fim da hegemonia laranja na Madeira, apesar da vitória do PSD nas regionais (38%) do próximo domingo.

Na semana em que se assinala o início da II Guerra Mundial, a RTP conta histórias de portugueses envolvidos diretamente no conflito.

    Toda a informação sobre a União Europeia é agora agregada em conteúdos de serviço público. Notícias para acompanhar diariamente na página RTP Europa.

      Em cada uma destas reportagens ficaremos a conhecer as histórias de pessoas ou de projectos que, por alguma razão, inspiram ou surpreendem.