Rúben Ribeiro é o sétimo jogador a rescindir com o Sporting

| Futebol Nacional

Rúben Ribeiro fotografado em fevereiro deste ano durante uma conferência de imprensa antes do encontro com o Astana para a Liga Europa
|

O médio Rúben Ribeiro somou esta quinta-feira o nome à lista de jogadores que decidiram rescindir unilateralmente com o Sporting Clube de Portugal. É o sétimo atleta a fazê-lo, depois de Rui Patrício, Daniel Podence, Bruno Fernandes, Gelson Martins, William Carvalho e Bas Dost. Bruno de Carvalho já reagiu. “Isto está uma loucura total”, escreveu no Facebook.

A notícia foi avançada pela edição online do diário desportivo Record.

O contexto de crise no seio dos leões começou com a perda do segundo posto na I Liga para o rival Benfica, na derradeira jornada do campeonato. Agravar-se-ia a 15 de maio, quando um grupo de dezenas de encapuzados invadiu a Academia de Alcochete e agrediu jogadores e membros da equipa técnica.

Rui Patrício e Daniel Podence foram os primeiros atletas a avançar com rescisões. Seguiram-se Gelson Martins, William Carvalho, Bruno Fernandes, Bas Dost e, agora, Rúben Ribeiro. O técnico Jorge Jesus rescindiu por mútuo acordo, tendo entretanto assinado pelos sauditas do Al Hilal.

Na passada segunda-feira, confrontado com a vaga de rescisões no plantel sportinguista, Bruno de Carvalho prometia demitir-se “imediatamente”, caso os jogadores que até então haviam batido com a porta recuassem.

“Se para os atletas o problema é este Conselho Diretivo, os jogadores que escrevam uma carta a dizer que se esta direção se demitir voltam atrás nas rescisões e jogam no Sporting e que se nos voltarmos a candidatar e ganharmos, continuam a valer estas premissas. Na mesma hora demitimo-nos. E tem de ser os seis, não basta um jogador”, clamava nessa conferência de imprensa o presidente do Sporting.
“Loucura total”
O presidente do Sporting, ontem suspenso pela comissão de fiscalização – medida rejeitada de imediato pela direção -, já reagiu à notícia da saída de Rúben Ribeiro, escrevendo na rede social Facebook que “as cartas até agora recebidas utilizaram todas a mesma minuta”.

“Isto está numa loucura total. Vale tudo”, lê-se no post de Bruno de Carvalho, que mostra mensagens de telemóvel que trocou com o médio e que, argumenta o dirigente desportivo, “não deixam qualquer dúvida de não existir justa causa de nada”.


“O que andam a prometer a estes atletas que estão a arruinar as suas carreiras?”, pergunta ainda Bruno de Carvalho.

c/ Lusa

Tópicos:

Médio, Rescisão, Rúben Ribeiro, Sporting,

Pesquise por: Médio, Rescisão, Rúben Ribeiro, Sporting,

A informação mais vista

+ Em Foco

Uma semana após a extinção do incêndio de Monchique, a televisão pública esteve no barlavento algarvio com uma emissão especial sobre o cíclico flagelo dos incêndios e as alterações climáticas.

    Fãs de Aretha Franklin homenagearam a icónica cantora norte-americana em várias cidades dos Estados Unidos. A rainha da Soul morreu na manhã de quinta-feira na sua casa em Detroit.

      Uma parte central da Ponte Morandi, em Génova, Itália, desabou na manhã de terça-feira durante uma tempestade. Morreram dezenas de pessoas.

        Há uma nova rota turística pela cidade de Lisboa, baseada em memórias de lisboetas mais antigos. São beneficiários da Associação Mais Proximidade Melhor Vida.