Treinador Javier Calleja despedido pelo Villarreal

por Mário Aleixo - RTP
Javier Calejja deixou o comando da equipa do Vilarreal Reuters

O treinador Javier Calleja foi despedido do comando técnico do Villarreal, que divulgará o substituto "nas próximas horas", anunciou o clube da liga espanhola de futebol no site oficial.

Calleja foi demitido dois dias depois da derrota em casa com o Celta de Vigo, equipa orientada pelo técnico português Miguel Cardoso, por 3-2, que manteve o clube na 17.ª posição do campeonato, a primeira acima da zona de despromoção, da qual dista apenas três pontos.

O Villarreal decidirá já sem Calleja a continuidade na Liga Europa, na quinta-feira, no embate com o Spartak Moscovo, competição na qual a equipa espanhola ocupa o primeiro lugar do Grupo G, em igualdade com o Rapid Viena.

Esta é a quinta "chicotada psicológica" na liga espanhola esta época, depois de Leo Franco (Huesca), do ex-treinador do FC Porto Julen Lopetegui (Real Madrid), de Antonio Mohamed (Celta de Vigo) e Eduardo Berizzo (Athletic Bilbau), substituídos por Francisco Rodriguez, Santiago Solari, o português Miguel Cardoso e Gaizka Garitano, respetivamente.