Dakar2022. Nasser Al-Attiyah vence prova nos carros pela quarta vez

por Lusa
Yoan Valat - EPA

O piloto catari Nasser Al-Attiyah (Toyota) conquistou a 44.ª edição do rali Dakar de todo-o-terreno em automóveis, cuja 12.ª e última etapa, na Arábia Saudita, foi vencida pelo sul-africano Henk Lategan (Toyota).

Al-Attiyah gastou 38:33.03 horas para cumprir as 12 etapas da prova, deixando o francês Sébastien Loeb (BRX) na segunda posição, a 27.46 minutos. O saudita Yazeed Al Rajhi (Toyota) foi terceiro classificado, o seu melhor resultado na prova.

Este é o quarto triunfo de Al-Attiyah no Dakar, depois de ter ganho em 2011 (VW), 2015 (Mini) e 2019 (Toyota), empatando com o finlandês Ari Vatanen. O francês Stéphane Peterhansel é o recordista, com seis triunfos em motas e oito nos automóveis.

Lategan foi o vencedor da última etapa, disputada entre Bisha e Jeddah, na Arábia Saudita, gastando 1:35.19 horas para percorrer os 164 quilómetros cronometrados.

Peterhansel (Audi) foi segundo, a 49 segundos, com o sul-africano Brian Baragwanath (Century) em terceiro, a 1.51 minutos.

O português Miguel Barbosa (Toyota), navegado por Pedro Velosa, terminou o dia na 45.ª posição, a 33.05 minutos.

Já o navegador luso Paulo Fiúza, co-piloto do lituano Vaidotas Zala (Míni), terminou esta derradeira etapa na quinta posição, a 3.25 do vencedor.

Na geral, Fiúza foi 11.º, a 3:31.55 horas de Al-Attiyah, enquanto Miguel Barbosa terminou a prova na 35.ª posição.

 
pub