Arábia Saudita pede cimeiras extraordinárias do Conselho de Cooperação do Golfo e da Liga Árabe

| Mundo

A Arábia Saudita pediu no sábado a convocação de cimeiras extraordinárias do Conselho de Cooperação do Golfo e da Liga Árabe, após a sabotagem de navios no Golfo e ataques a estações de bombagem num oleoduto no reino.

As duas cimeiras extraordinárias deverão ser realizadas em 30 de maio em Meca "para discutir esses ataques e as suas consequências na região", avançou a agência oficial saudita.

Os houthis, rebeldes pró iranianos que controlam grandes áreas no Iémen, reivindicaram um ataque na região de Riade, com recurso a drones, contra duas estações de bombagem de um oleoduto que liga o leste ao oeste saudita.

No domingo, quatro navios foram sabotados nos Emirados Árabes Unidos, na entrada do Golfo: dois petroleiros sauditas, um navio norueguês e um cargueiro dos Emirados.

A declaração saudita sublinhou "as graves consequências desses ataques", especialmente para "as rotas de abastecimento e a estabilidade dos mercados mundiais de petróleo".

Os Estados Unidos anunciaram em 5 de maio o envio do porta-aviões Abraham Lincoln e de bombardeiros B-52 no Golfo, alegando "ameaça" iraniana.

Tópicos:

B Golfo, Emirados Árabes,

A informação mais vista

+ Em Foco

Uma sondagem da Universidade Católica aponta para o fim da hegemonia laranja na Madeira, apesar da vitória do PSD nas regionais (38%) do próximo domingo.

Na semana em que se assinala o início da II Guerra Mundial, a RTP conta histórias de portugueses envolvidos diretamente no conflito.

    Toda a informação sobre a União Europeia é agora agregada em conteúdos de serviço público. Notícias para acompanhar diariamente na página RTP Europa.

      Em cada uma destas reportagens ficaremos a conhecer as histórias de pessoas ou de projectos que, por alguma razão, inspiram ou surpreendem.