Artífice da paz na Irlanda do Norte John Hume morre aos 83 anos

por Lusa
Clodagh Kilcoyne, Reuters (Arquivo)

O político da Irlanda do Norte John Hume, Prémio Nobel da Paz e artífice da reconciliação na província britânica marcada por décadas de conflito, morreu hoje aos 83 anos, anunciou a família.

"John morreu de madrugada na sequência de uma curta doença", refere um comunicado da família de Hume, antigo político católico nacionalista.

Hume foi agraciado, juntamente com o protestante unionista David Trimble, com Prémio Nobel da Paz em 1998, ano em que foram assinados os Acordos da Sexta-Feira Santa, que puseram fim a trinta anos de violência sectária entre os paramilitares da Irlanda do Norte e os republicanos do já desativado Exército Republicano Irlandês (IRA, na sigla em inglês).

Líder católico, moderado, do Partido Social Democrata e Trabalhista, Hume é apontado como o principal "artífice" das negociações e do acordo de paz. 

"Todos nós vivemos na Irlanda que ele imaginou, em paz e liberdade para decidirmos o nosso próprio destino", refere uma nota do Partido Social Democrata e Trabalhista difundida logo após a notícia da morte de John Hume.

 

 

 

 

 

 

 

Tópicos
pub