Atentado tentou atingir primeiro-ministro da Autoridade Palestiniana em Gaza

| Mundo

|

Sete pessoas ficaram feridas esta terça-feira em Gaza na sequência de uma explosão que tentou atingir o veículo em que seguia o primeiro-ministro da Autoridade Palestiniana, Rami Hamdallah.

Hamdallah e o chefe dos serviços de informações palestiniano, Majid Faraj, que também se encontrava na comitiva de visita a Gaza, não ficaram feridos, acrescenta a France Presse.

Testemunhas e elementos da delegação indicaram que, pelo menos, sete pessoas ficaram feridas mas ainda não se conhece a identidade das vítimas.

O presidente da Autoridade Palestiniana, Mahmoud Abbas, classificou o ataque de “atentado cobarde” e atribuiu a responsabilidade ao movimento islamita Hamas, de acordo com a imprensa palestiniana.

c/ Lusa

A informação mais vista

+ Em Foco

Várias organizações de defesa dos Direitos Humanos exigem uma investigação rigorosa.

A morte do advogado foi conhecida há dois anos, no Natal, mas existem vários indícios de que a possa ter simulado.

Toda a informação sobre a União Europeia é agora agregada em conteúdos de serviço público. Notícias para acompanhar diariamente na página RTP Europa.

    Em cada uma destas reportagens ficaremos a conhecer as histórias de pessoas ou de projectos que, por alguma razão, inspiram ou surpreendem.