Bruxelas propõe aos Estados-membros aquisições conjuntas na Defesa

por Antena 1

Yves Herman - Reuters

A Comissão Europeia quer que os Estados-membros invistam mais em defesa, mas defende que esse investimento deve ser conjunto para evitar duplicações e situações de interoperabilidade entre as várias forças armadas.

Bruxelas propôs que se avance para um trabalho que permita que os países possam reforçar os investimentos em defesa depois de anos a investir muito menos que outras potências mundiais.
pub