Coligação de países árabes diz ter provas do envolvimento do Irão nos ataques às refinarias

por RTP

A coligação de países árabes liderada pela Arábia Saudita disse que as armas utilizadas nos ataques contra a refinaria e campos de petróleo do país eram iranianas.

A investigação preliminar concluiu que a ofensiva foi lançada de uma zona que não é dominada por rebeldes Houthis, apesar de as milícias terem reivindicado os atentados. O Irão voltou a negar qualquer envolvimento.