Comércio paralelo também motiva manifestações em Hong Kong

| Mundo
Comércio paralelo também motiva manifestações em Hong Kong

A ver: Comércio paralelo também motiva manifestações em Hong Kong

Os protestos voltaram às ruas de Hong Kong, mas desta vez o alvo dos manifestantes foi o comércio paralelo.

Foram mais de 20 mil as pessoas que desfilaram em Sheung Shui, uma cidade que faz fronteira com a China.

Os participantes exigiram ao Governo que tome medidas urgentes para impedir a entrada de pessoas vindas do continente que abusam do atual sistema de vistos de viagem.

Essas entradas na cidade são para comprar mercadorias, que depois vendem a um preço mais alto do outro lado da fronteira.

A informação mais vista

+ Em Foco

Pela primeira vez desde que assumiu o mandato, o secretário-Geral da ONU fala abertamente à RTP dos principais conflitos globais.

É até hoje a mais icónica das aventuras da exploração espacial. Há 50 anos, o Homem chegava à Lua à boleia da NASA. Percorrermos aqui todos os detalhes da missão, dia a dia.

    Toda a informação sobre a União Europeia é agora agregada em conteúdos de serviço público. Notícias para acompanhar diariamente na página RTP Europa.

      Em cada uma destas reportagens ficaremos a conhecer as histórias de pessoas ou de projectos que, por alguma razão, inspiram ou surpreendem.