Computadores e "tablets" restringidos em voos para os EUA

| Mundo
Computadores e tablets restringidos em voos para os EUA

Foto: Carlo Allegri - Reuters

Computadores portáteis ou tablets vão ser proibidos na bagagem de mão em determinados voos com destino aos Estados Unidos.

Segundo a agência Reuters, as autoridades norte-americanas preparam-se para impedir já a partir desta terça-feira os passageiros provenientes de alguns países do Médio Oriente e norte de África de transportarem na cabina dos aviões aparelhos eletrónicos maiores que telemóveis.

Uma determinação que surge depois de uma ameaça terrorista não especificada, como conta a jornalista Olívia Santos.

A Casa Branca não comenta a notícia avançada pela agência Reuters.

Uma medida que vai abranger mais de uma dúzia de companhias aéreas não norte-americanas e sediadas, na maioria, em países do Médio Oriente e norte de África.

A informação mais vista

+ Em Foco

Entrevista exclusiva de Rui Rio à editora de política da RTP Luísa Bastos.

Abrir uma torneira e vê-la jorrar água. É um ato tão comum que nunca imaginamos um dia em que tal quadro possa desaparecer. Algo que está prestes a tornar-se realidade na África do Sul.

    Foram sinalizados casos de mutilação genital numa escola da Baixa da Banheira. Uma associação trabalha com turmas. Ainda há rapazes que defendem a "submissão" como "saudável".

      Uma caricatura do mundo em que vivemos.