Donald Trump criticado por não ter atacado extrema-direita e neonazis

| Mundo
Donald Trump criticado por não ter atacado extrema-direita e neonazis

A ver: Donald Trump criticado por não ter atacado extrema-direita e neonazis

Uma pessoa morreu e 35 ficaram feridas durante os confrontos de sábado.

A Casa Branca condenou este domingo os grupos neonazis e de supremacia branca pela violência em Charlottesville, no Estado da Virginia.

A condenação surgiu este domingo, depois de altas figuras republicanas terem criticado a falta de uma referência à extrema-direita na declaração que Trump fez na véspera.

A informação mais vista

+ Em Foco

No Telejornal, Bernardo Pires de Lima comentou a decisão da Casa Branca sobre Jerusalém, agora reconhecida como a capital de Israel.

A Coreia do Norte continua a desafiar o mundo com testes de mísseis balísticos e armas nucleares.

Foi considerado o “pior dia do ano” em termos de fogos florestais, com a Proteção Civil a registar 443 ocorrências. Morreram 45 pessoas.

    Uma caricatura do mundo em que vivemos.