Espanha desaconselha espadarte, atum-rabilho e lúcio a grávidas e crianças

por RTP

A Agência Espanhola de Segurança Alimentar aconselhou grávidas e crianças a não comerem espadarte, atum-rabilho e lúcio devido ao mercúrio no peixe.

A RTP sabe que as autoridades portuguesas estão a avaliar a possibilidade de fazerem uma recomendação semelhante.
pub