EUA anunciam vendas de armas de 110 mil milhões de dólares à Arábia Saudita

| Mundo

Um responsável da Casa Branca anunciou hoje contratos de venda de armas no valor de 110 mil milhões de dólares (98,2 mil milhões de euros) à Arábia Saudita, um aliado tradicional dos Estados Unidos.

O anúncio foi feito no primeiro dia de uma visita oficial do presidente norte-americano, Donald Trump, a Riade, primeira etapa da sua primeira viagem ao estrangeiro.

"O presidente e o secretário de Estado [Rex] Tillerson vão assistir a uma cerimónia de assinatura de quase 110 mil milhões de dólares" de acordos militares, disse o responsável, citado pela agência France-Presse.

Estes acordos visam "apoiar a longo prazo a segurança da Arábia Saudita e da região do Golfo face às ameaças do Irão", acrescentou, sem dar pormenores sobre os acordos.

Tópicos:

Golfo,

A informação mais vista

+ Em Foco

É uma tragédia sem precedentes que vai marcar para sempre o país. O incêndio de Pedrógão Grande fez 64 mortos mais de duas centenas de feridos. Há dezenas de deslocados.

Nodeirinho é a aldeia mártir do incêndio de Pedrógão Grande. É uma aldeia em ruínas, repleta de casas queimadas e telhados no chão. Um cenário de desolação e dor.

Constança Urbano de Sousa garante que enquanto tiver confiança do primeiro-ministro não vai sair do Executivo.

Jorge Paiva, botânico e professor, um dos maiores peritos da floresta, critica em entrevista à Antena 1 o desinteresse generalizado dos políticos pelos problemas da floresta.