Farmacêuticas estão a adaptar as suas vacinas à variante ómicron

por RTP

A agência europeia do medicamento calcula que demoraria três a quatro meses para aprovar uma nova vacina, mas isso pode nem sequer ser necessário.

pub